29.4.17

CONHEÇA OS BENEFÍCIOS DA ALFACE

dgas
Todo mundo tem aqueles dias de tormento que parecem que nunca vão passar. Mas alguns sofrem ainda mais com problemas do gênero que resultam, muitas vezes, na louca rotina experimentada por diversos trabalhadores no mundo. A opção por aquele remedinho sem receita comprado na farmácia da esquina é quase natural, mas, na verdade, é um grande engano. Se você quiser ficar calminho de forma natural, barata, saudável e saborosa, te apresento uma alternativa muito mais atrativa e eficiente: faça um prato de salada generoso, esbanjando a alface como ingrediente principal do seu preparado.
Conheça os benefícios da alface
Esse vegetal é composto por uma substância chamada lactucina, que é um atributo com efeito calmante e relaxante que pode ajudar, inclusive, a pessoas que sofrem com os males da insônia. Essa propriedade é encontrada principalmente no “talo” do alimento (muitas vezes desprezado por seus preparadores). Além desse benefício, inúmeros outros componentes podem ser desfrutados por quem faz consumo dessa hortaliça tão presente em nosso dia a dia. Contém ácido fólico (que atua na síntese dos neurotransmissores como a serotonina, dopamina e noradrenalina, que são responsáveis por regular as sensações de ansiedade) e ajuda a produzir aminoácidos (que são responsáveis também por favorecer o bem-estar emocional de quem o utiliza).
É muito difícil encontrar alguém que não aprecie a alface, mas para os que têm resistência ao vegetal, preparar junto com outras hortaliças que sejam agradáveis ao paladar de quem está consumindo o preparado é uma boa solução. Outra dica é utilizar alguns temperos naturais como azeite, orégano, sal do himalaia e outros compostos que podem dar um sabor mais interessante à sua salada, aproveitando também para melhor e fortificar a sua saúde.

22.4.17

COMO EVITAR O EFEITO SANFONA NA ALIMENTAÇÃO?

Como Evitar o Efeito Sanfona na Dieta?

Que dietas ajudam realmente a emagrecer poucas pessoas tem dúvidas, afinal é óbvio que comendo menos irá emagrecer, o que há um certo questionamento é com relação a dietas serem ou não saudáveis. Sabemos que quanto mais radical é uma dieta mais rapidamente a pessoa emagrece, porém ais abalada será sua saúde devido a falta de nutrientes durante a dieta, porém este não é o único problema deste tipo de dieta, mas também o chamado efeito sanfona.
Efeito Sanfona é quando após uma dieta em que a pessoa emagreceu ela voltar a ganhar os quilos que perdeu (ou até mais) em um curto espaço de tempo, o que é muito frequente de acontecer quando se faz dieta. Antes de mostrar como evitar o efeito sanfona é preciso que saiba porque ele acontece, isso é importante para que note a importância de cada uma das dicas que verá a seguir.
O efeito sanfona acontece porque após sair de uma dieta restritiva em que seu corpo ficou privado de calorias e outros nutrientes você volta para uma alimentação normal (aquela que te fez engordar da primeira vez). É justamente este o problema, esta alimentação já te fez engordar uma vez e retornar a ela certamente o fará novamente.
Outro ponto delicado é que após uma dieta, por seu corpo ter detectado a escassez de nutrientes, ele tenderá a tentar refazer seus estoques (gordura localizada) o mais rápido possível, que é o que faz com que em alguns casos a pessoa engorde mais quilos do que perdeu na dieta, de certa forma é uma defesa natural do corpo a algo que ele entendeu como uma agressão.

Eliminando o Efeito Sanfona da Dieta!


Um dos pontos a observar é que quanto mais radical for a dieta maiores são as chances de que seu corpo interprete a dieta como escassez de alimentos, portanto o mais indicado é não fazer dietas tão radicais.
Uma alimentação menos radical realmente fará com que perca peso de uma forma mais lenta, mas vale a pena porque tende a ser algo que realmente vai durar, ou seja vai emagrecer e permanecer magra, principalmente se seguir todas as dicas a seguir.

Após a dieta o que a grande maioria das pessoas faz é simplesmente pensar que já emagreceu e portanto pode voltar para seus antigos hábitos alimentares, mas agora já sabe que fazer isso não ajudará em nada, portanto é preciso ter um plano de ação para isto. O mais indicado é fazer uma reeducação alimentar que o habituará a uma alimentação mais saudável.

Programe seu Corpo para Ser Magro!


É possível usar seu corpo a favor de seu peso ideal. Ao invés de ficar o resto de sua vida lutando contra o efeito sanfona é melhor fazer um trabalho completo de uma só vez. Para isso é importante mudar o metabolismo do corpo, fazer com que seu metabolismo passe a ser naturalmente acelerado, o que é mais simples de fazer do que se imagina.
Uma dica que sempre deve ser reforçada é que a prática de esportes ajuda a emagrecer, mas também é importante saber que fazer alguma atividade física com regularidade ajuda também a se manter magra, isto não apenas por queimar calorias, mas também por fortalecer sua musculatura.
Músculos mais fortes necessitam mais calorias simplesmente para se manter, ou seja uma pessoa com músculos mais fortes queima mais calorias mesmo quando está parada ou até mesmo dormindo! Agora que sabe disso não há desculpa para não se exercitar, lembre-se de que é isto que poderá fazer toda a diferença!

15.4.17

VACINA DA GRIPE REALMENTE PROTEGE? E O QUE DIZER DOS EFEITOS COLATERAIS?


Porque as pessoas aceitam tomar as vacinas contra a gripe? Simples, porque elas acreditam no conselho médico e agências de saúde, como a ANVISA que recomendam as vacinas para a maioria das pessoas incluindo, jovens e idosos! No entanto, muitas pessoas não estão cientes dos fatos reais por trás de vacinas contra a gripe – e sua ineficácia, além de potentes efeitos colaterais e aditivos prejudiciais. Embora seja possível encontrar alguns dados positivos sobre vacinas contra a gripe, há uma quantidade significativa de dados das principais revistas médicas, e fontes alternativas da mídia que a utilidade e eficácia contra gripe é um “tiro no escuro” “...Temos uma expectativa exagerada de que as vacinas possam realmente fazer”, disse um dos autores do estudo, o Dr. Tom Jefferson. Um estudo na revista ‘The Lancet’ descobriu que, mesmo entre as pessoas para quem a vacina é mais recomendada (idosos), a proteção pode ser tão baixa, que fica menos de 25%.  Apenas 36 mil americanos morrem a partir da infecção da gripe a cada ano, no entanto, uma média de 195 mil norte-americanos morreram apenas entre 2000 até 2002, devido a erros hospitalares médicos que poderiam ter sido evitados. Isto significa que; “mais de cinco vezes o número de pessoas que morreram por estar num hospital, e azarado(a) o suficiente por ser vítima de um erro médico evitável. Ou seja, o risco de morrer dentro de um hospital por erro médico é maior do que ficar sem tomar vacina da gripe!

O autor do artigo, pesquisador ‘Wilton Alston’, resume as coisas dizendo sobre “vacinas contra a gripe”, declarando: “Optar por injetar uma substância estranha como uma “provável” proteção, que fica por volta de apenas 25% de eficácia, sem contar os efeitos colaterais é um tiro no escuro”. Na verdade a vacina nunca foi provada ser eficaz realmente, em pessoas com mais de 65 anos! Em 2005 uma análise estatística de revisão, contraria os dados do CDC (Centro de Controle e Prevenção de Doenças – USA), onde na verdade só 1.806 pessoas morreram de gripe, e não 36.000 como o CDC afirma! E em 2004, havia apenas 1.100 mortes por gripes! Os dados do ‘CDC’ são enganosos e as estatísticas do CDC oferecem dados distorcidos porque classificam aqueles que estão morrendo de pneumonia como morrer de gripe, o que torna os dados imprecisos. Houve na verdade  60.998 mortes por pneumonia e apenas 1.806 da gripe no ano de 2005. Dados distorcidos são usados para apoiar o uso de “vacinas”. Claro é sempre interessante para empresas farmacêuticas divulgar todas as mortes por gripes anualmente! Isso impulsiona o mercado e o interesse populacional.

Como prevenir a gripe sem obter uma ‘vacina contra a gripe’?
Dr. Mercola diz: ” Se você seguir um estilo de vida saudável, você não terá que se preocupar com a gripe e diz: – Eu nunca recebi uma vacina contra a gripe, e eu não perdi um dia de trabalho por motivo de doença em mais de 20 anos adequando estilo de vida saudável e otimizando meus níveis de vitamina D”. A Vacina da gripe pode causar NARCOLEPSIA, que é uma condição neurológica caracterizada por episódios irresistíveis de sono intenso durante o dia, e em geral distúrbio do sono noturno. Um tipo de dissonai.

Os principais passos que se seguem para ficar livre de gripe, inclusive H1N1 eu sugiro que:
Tome sol e suplemente com vitamina D em doses reais diariamente. Banho de sol com roupas íntimas sem protetor solar por alguns minutos. Alimente-se corretamente considerando o tipo nutricional saudável, inclusive evitando açúcar em excesso e similares. Exercitar-se diariamente! Ter um sono adequado e melhorar a ingestão de água alcalina 45mls/kg. Evitar o estresse emocional. Lave as mãos regularmente. Ao usar vitamina D, procure um profissional que entenda de doses reais, que possam  surtir efeitos de proteção e tratamento sob um modelo preventivo e de promoção de saúde em crianças adultos e idosos. O uso da Vitamina D evita também os sintomas agressivos da Dengue dentre outras, conforme os estudos científicos tem se mostrado no decorrer dos anos. A vitamina C em boas doses, melhora a função mitocondrial uma organela celular responsável pela respiração celular e metabolização de nutrientes. Também o zinco e magnésio em formulações específicas, uma vez que a população contemporânea praticamente está com deficiência, propiciando doenças diversas e sintomas agressivos da gripe.

Referências:

1   Vancouver Sun September 10, 2012. 2;  ABC News March 5, 2011. 3;  Journal of Virology 2011 Nov;85(22):11995-2000, 4;  See ref 1
5 MetroNews September 9, 2012.  6- Infectioncontroltoday.com, August 2012.  7 -PreventDisease.com January 20, 2013; -Cochrane Summaries March 14, 2012.

26.3.17

UM TERÇO DOS OBESOS NÃO SE IMPORTA COM CONDIÇÃO FÍSICA

Sem Título-2
A cada dia vemos uma imersão maior da nossa rotina nas perigosas regalias proporcionadas pela modernidade. A proliferação das comidas rápidas compostas por diversos ingredientes condenados tem feito parte dos dias de muita gente ao redor do mundo. Isso tem diminuído a qualidade de vida e a saúde das pessoas. É um fenômeno que acontece principalmente em países desenvolvidos, onde o tempo é contado aos segundos e a vida não traz respiros suficientes para que os trabalhadores se alimentem de forma recomendada. Para se ter uma ideia, um estudo feito na Grã-Bretanha constatou que 25% dos seus cidadãos não comem nenhum tipo de frutas e vegetais. Um dado alarmante que mostra, simplesmente, como estamos entrando numa zona perigosa de consumo irresponsável.
1309135232a8b77692dbinge-eating-1200x900
O relatório divulgado pela Aviva’s Health Check UK, constatou que, ironicamente, mesmo com os britânicos não cuidando adequadamente da sua alimentação, metade deles afirmam estar felizes com a própria aparência e a maioria deles culpa a vida agitada e a falta de tempo como responsáveis pelas dietas pouco saudáveis. Tudo isso gera consequências ao corpo dos cidadãos. O estudo revelou que um em cada três pessoas com idade entre 25 e 34 anos está   acima do peso ideal, quando a faixa etária sobe para 35 a 44 anos, a estatística piora e chega aos 50% dos participantes.
Talvez o mais surpreendente nessa história toda é que, mesmo enfrentando a obesidade, um terço das pessoas que tem a doença se dizem satisfeitas com a sua condição física. Já dizia o ditado: você é o que você come. Então para ter uma qualidade de vida adequada, mais saúde e um condicionamento corporal dentro dos padrões recomendados pela Organização Mundial da Saúde (OMS), a reformulação do cardápio é a primeira das inúmeras mudanças que são necessárias para que se atinja o ideal ambicionado por muitos.

18.3.17

3 BENEFÍCIOS DA BERINJELA

dasfad
É quase unânime a opinião dos pesquisadores sobre a berinjela. Um vegetal que ainda é pouco utilizado entre os brasileiros, mas que carrega em sua composição muitos benefícios de saúde. Um pouco desse “desprezo” talvez seja justificado pelo sabor um tanto amargo proporcionado por esse fruto que é facilmente encontrado em nossos supermercados e feiras. Mas existem muitas técnicas culinárias para fazer com que a preparação do alimento valorize um pouco mais o seu contestado “gosto”. Mas o que vale mesmo nisso tudo é o desfrute desses muitos benefícios proporcionados pelo legume. Separei três virtudes para que você incremente de vez esse ingrediente em sua rotina. Anote!
berinjelaciahbridaf1-1304950786
Reduz o colesterol – uma pesquisa desenvolvida em 1997 com coelhos pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) mostrou que o suco de berinjela foi capaz de reduzir em 30% o colesterol dos simpáticos bichinhos. Em 2013 a federal do Rio (UFRJ) apresentou um estudo que utilizou a farinha do fruto como um excelente controle do colesterol. A pesquisa constatou também que duas colheres de sopa, duas vezes ao dia, são suficientes para gerar os efeitos desejados.
Emagrece – a mesma pesquisa da UFRJ mostrou também que mulheres obesas que ingeriram 14 g de farinha de berinjela por dia (utilizando um cardápio de reeducação alimentar) apresentaram um emagrecimento de 6 quilos durante 60 dias de “dieta” (um outro grupo também participou do estudo, mas não utilizou a farinha. Esse teve uma perda de peso média de três quilos).
Reduz as dores articulares – pesquisadores também descobriram que o alimento é capaz de diminuir os níveis de ácido úrico. Essa substância, se estiver em exagero no nosso corpo, é capaz de provocar as odiadas dores articulares. E a berinjela possui componentes capazes de agir contra esse problema que afeta a vida de tanta gente no mundo.

11.3.17

MITO OU VERDADE: SUCO DE BETERRABA EVITA ANEMIA?

Sem Título-1
Às vezes caímos no erro de achar que todo e qualquer tipo de refeição natural traz diversos benefícios à saúde. Está muito claro para a ciência que uma dieta saudável está intimamente relacionada a um consumo maior de frutas, verduras e produtos com uma industrialização menos “agressiva”. O problema é que muita gente sem conhecimento começa a criar soluções para todos os problemas de saúde utilizando um ou outro vegetal.
Não é bem assim. Cada um deles tem as suas propriedades que devem ser descobertas e provadas pela ciência. O “achômetro” é, talvez, um dos grandes problemas enfrentados por pessoas desqualificadas para falarem de saúde. Hoje vamos desmistificar um sentença que é praticamente dada como certa por muitos: suco de beterraba evita anemia. Pelo tom de todo o discurso feito anteriormente, você já deve ter percebido que isso é um mito. E um dos maiores já existentes!
Mito ou verdade: suco de beterraba evita anemia?
Para se ter uma noção, o combate à anemia necessita de uma concentração aproveitável de ferro no organismo. Essa propriedade é minimamente encontrada no líquido. Muitas vezes a pessoa faz utilização do preparado crente de que resolverá todas os seus problemas “anêmicos”. O que é uma mentira sem embasamento. Se você está precisando combater a doença utilize feijões, lentilhas, folhas verdes, sementes de abóboras, nozes e castanhas. Para que o problema não se agrave, os alimentos ricos em cálcio (leite e derivados, por exemplo) e taninos (como refrigerantes, e chás pretos e mate) devem ser reduzidos.
Mais um mito foi esclarecido e reiteramos que é muito importante ter um conhecimentos baseado em estudos científicos, para que possamos observar a eficácia, ou não, de determinadas orientações para a saúde.

4.3.17

LEITE DE COCO: UMA ÓTIMA ALTERNATIVA

hasuhuas
O leite está presente em diversos produtos do nosso dia a dia. A dificuldade de encontrar alternativas para substituir o derivado animal leva a muitos que desejam ser vegetarianos a levar uma dieta, na verdade, lactovegetariana. Mas hoje vamos apresentar uma opção que não é desconhecida pelas pessoas, mas que, muitas vezes, também não é levado tão a sério assim.
O leite de coco pode ser uma ótima opção para que diversos componentes da sua refeição tenham a receita levemente alterada e, no lugar de leite de vaca, você utiliza o da fruta tropical. Além de fortificar a sua dieta natural, você consegue ainda melhorar o seu desempenho no que diz respeito a bons nutrientes que visam enriquecer a  saúde.
Leite de coco: uma ótima alternativa
São várias composições que auxiliam e agregam uma valiosa carga nutricional ao corpo. Contém muitas vitaminas, minerais e eletrólitos, como potássio, cálcio e cloreto. A gordura saturada do coco é composta majoritariamente por ácidos graxos de cadeia curta e média. O corpo tem a habilidade de transformar esses compostos em energia, no lugar de armazená-los como gordura. O efeito, naturalmente, é o de emagrecimento.
Outro componente muito importante é o ácido láurico. Mais da metade dos ácidos graxos do leite são compostos por ele. É um ótimo antiviral, antibacteriano, antimicrobiano e antifúngico, atributos que podem estimular o sistema imunológico. Todos esses benefícios trazidos sem nenhuma presença da lactose. O leite de coco é tão recomendado que pode gerar o alívio de doenças como dores de garganta e úlceras.
Aos que sonham com uma pele bonita, ele também pode ser utilizado no cabelo e no banho com aplicação direta. São inúmeros o benefícios e, a partir de agora, a sua vida ficará mais fácil de ser administrada utilizando um boa alternativa ao leite “animal”, além de beneficiar imensamente à sua saúde.